sábado, 2 de dezembro de 2017

Sindicato dos Oficiais de Justiça da PB manifesta apoio a policiais civis

O Sindicato dos Oficiais de Justiça da Paraíba manifestou através de seu presidente, Benedito Fonsêca, incondicional apoio à luta da Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba por mudanças no Projeto de Lei encaminhado pelo Executivo estadual à Assembleia Legislativa, que trata de promoções, acumulações de delegacias e horas extras.

“Como categoria, reafirmamos integral apoio à pessoa da presidente da Aspol, Suana Melo, por entendermos ser mais do que justa essa luta por um tratamento com respeito e dignidade e melhores condições de trabalho. A Associação se propõe a um diálogo franco e aberto, que lamentavelmente não está receptividade por parte das autoridades, mas esperamos que venha a ocorrer”, afirmou Benedito.

Reconhecimento

A presidente da Aspol agradeceu o apoio, o qual considerou uma demonstração da qualidade que as entidades classistas têm no trabalho que fazem. “O Sindojus-PB é um Sindicato forte, que tem feito história não apenas atuado em defesa de sua categoria, como também na busca de parcerias consistentes e justas. Só temos a agradecer e buscar cada vez mais estreitar essa relação”, declarou.

Segundo ela, o PL 1.674 privilegia delegados de polícia civil no aspecto do número de vagas para classe especial, duplicado de 60 para 120 e não dá o mesmo tratamento para as outras categorias, pelo contrário, retirara 20 vagas dos agentes e 5 vagas dos técnicos em perícia. Outro exemplo de desigualdade citado por Suana, é o fato de na elaboração do projeto só terem sido ouvidos os representantes dos delegados.

InfoJus BRASIL: Com informações do Sindojus-PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...