terça-feira, 17 de outubro de 2017

Sindicato pede redução e compartilhamento da frota oficial de veículos do TJ-PB

Foto: Arquivo
O Sindicato dos Oficiais de Justiça do Estado da Paraíba requereu ao presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Joás de Brito Filho, a expedição de ato normativo que compartilhe e reduza em 50% a frota de veículos oficiais destinados aos desembargadores e regulamente o seu uso, em cumprimento assim, à íntegra da Resolução 83 do Conselho Nacional de Justiça.

“O pedido se fundamenta na conjuntura hodierna de limitações financeiras, reveladas pelo Comitê Orçamentário criado pelo próprio TJ-PB”, destacaram os diretores presidente, jurídico e de mobilização e imprensa, Benedito Fonsêca, Alfredo Miranda e Noberto Carneiro.

O Sindojus-PB considera dispendioso e desnecessário para a administração o fato de cada desembargador ter à sua disposição um veículo automotivo, no que classifica como um verdadeiro desperdício do erário.

Redirecionamento de recursos

Para o Sindicato, o atendimento ao pedido denotará apreço aos princípios republicanos que regem a administração pública, além de uma demonstração de humildade do Tribunal em se desprover de benefício que gera grande despesa, bem como, de contribuir com o zelo do patrimônio público, vez que os respectivos recursos financeiros poderão ser redirecionados para outros fins de interesse público e de maior pertinência.

Ao final, os diretores subscritores do pedido reafirmaram diante da presidência do TJ-PB o compromisso de juntos, envidarem esforços para erigir um Judiciário capaz de otimizar a prestação de serviços com a eficácia e qualidade que os jurisdicionados buscam e merecem.

InfoJus BRASIL: Com informações do Sindojus-PB

Um comentário:

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...