terça-feira, 11 de setembro de 2012

Fenassojaf e Assojaf's do DF sediaram V CONOJAF

 
Com a participação expressiva de cerca de 300 congressistas vindos de todo o país, a Fenassojaf e as Assojaf's do Distrito Federal (Assojaf/TRF/DF, Assojaf/TRT/DF e Aojus/DF) sediaram, entre os dias 4 e 8 de setembro, o V Congresso Nacional das Associações de Oficiais de Justiça Avaliadores Federais (Conojaf).



Antes do início do Congresso a diretoria executiva da Fenassojaf reuniu-se na sede da Federação para discutir a pauta da Assembleia Geral Ordinária que se realizaria durante o Congresso para se posicionar sobre as mudanças no estatuto da Fenassojaf proposta pela comissão de reforma especialmente eleita para tal, levando assim a posição oficial da diretoria sobre tais mudanças para apreciação do Conselho de Representantes, órgão com legitimidade para recebimento das propostas e posterior encaminhamento dos delegados da AGO.

Durante a reunião da diretoria executiva, também foram passados os informes das coordenações regionais, problemas específicos de cada diretoria e região e como foi tratado o problema.

A reunião foi finalizada com a elaboração do planejamento estratégico da diretoria que balizará a atuação para o próximo ano.

Na quarta-feira (05), o Conselho de Representantes da Fenassojaf, composto pelos presidentes de todas as Assojaf's ou representantes, realizou reunião onde foram ratificadas as propostas de alteração estatutária a serem levadas para apreciação dos delegados da Assembleia Geral Ordinária.

Ainda na quarta-feira, a Federação e Assojafs deram início ao Congresso com um coquetel de abertura que contou com a presença massiva dos delegados e congressistas eleitos.

O ciclo de palestras começou na quinta-feira (06), após o credenciamento dos delegados e participantes.
A primeira palestra, “Aspectos Constitucionais Aplicáveis à atuação do Oficial de Justiça, foi ministrada pela Exma.Sra. Dra.Noêmia Aparecida Garcia Porto, Presidente da Amatra-10.

Às 11:00 horas realizou-se o painel que versou sobre o tema “Processo Legislativo sendo coordenado pelo Dr. Luiz Fenelon, Assessor Parlamentar da Câmara dos Deputados, com a participação do Assessor Parlamentar da Fenassojaf, Alexandre Marques.

No período da tarde, os participantes acompanharam a palestra "Diligências Perigosas: Possibilidade de Identificação e Postura do Oficial de Justiça", ministrada pelo Dr. Levi Silva de Medeiros, Oficial de Justiça Avaliador Federal do TRT 21ª Região

A última palestra do dia foi “Sistema Sol – Cumprimento Seguro do Ato Judicial de Risco”, ministrada pelo Sr. Flavio Di Mambro, Agente de Segurança do TRF/1, Seção Judiciária de Brasília.

Após a apresentação dos paineis, os participantes debateram e aprovaram a criação de Grupos de Discussão, que se reuniriam em separado em seguida para discussão e apresentação de relatórios sobre temas como Aposentadoria Especial, Indenização de Transporte, Isenção de IPI/ICMs, etc, relatórios esses que depois de aprovados no final dos trabalhos do Conojaf seriam usados para a confecção de um documento denominado “Carta de Brasília”, que norteará os trabalhos da Fenassojaf e servirá para indicar à sociedade as necessidades e projetos do Oficialato Federal.

O V Conojaf apresentou, ainda, as palestras sobre O desafio dos Oficiais de Justiça com a introdução de novas tecnologias no processo judicial; Atividade Física e Qualidade de Vida / Tendências e Inovações; Saúde do Oficial de Justiça: Realidades e Perspectivas e a Construção do Coletivo como Estratégia de Defesa Frente ao Sofrimento no Trabalho.

ALTERAÇÃO ESTATUTÁRIA – No sábado (08), os delegados eleitos pelas Assojaf's reuniram-se para a Assembleia, onde os presidentes das Assojaf's passaram informes sobre a atuação de cada Associação nos respectivos tribunais e estados, problemas enfrentados, soluções encontradas e resultados obtidos.

Colocadas em votação as propostas de mudança no estatuto da Fenassojaf. Foram aprovadas pelos delegados presentes algumas mudanças pontuais para aperfeiçoar o estatuto, sendo rejeitada a proposta de retirada do teto que limita a contribuição das Assojaf's com mais de 400 oficiais filiados.

Terminados os trabalhos de votação das reformas do estatuto, os delegados presentes acolheram, por unanimidade, a oferta feita pela Assojaf da Bahia, na pessoa dos diretores Raji e Vera, de sediar o VI Conojaf que será realizado em 2013.

Finalizando os trabalhos e o V Conojaf, foram convidados para compor a mesa de encerramento todos os diretores da Fenassojaf.

O presidente da Federação, Joaquim Castrillon, elogiou o trabalho desenvolvido pela comissão organizadora do evento, principalmente a atuação tenaz e eficiente do diretor administrativo da Fenassojaf, Júlio César Fontela, o qual visivelmente emocionado agradeceu aos presentes os elogios mas disse que sem a participação de todos os colegas das Assojaf's do Distrito Federal (Assojaf/TRF/DF, Assojaf/TRT/DF e Aojus/DF), além da própria diretoria da Fenassojaf, nada disso teria sido possível.

Até setembro de 2013, com o VI Congresso Nacional dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais no berço de nascimento do nosso país, o lindo estado da Bahia!

FENASSOJAF- UNINDO OS OFICIAIS DE JUSTIÇA DO PAÍS!

com o diretor de comunicação

Fonte: FENASSOJAF

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...