terça-feira, 18 de setembro de 2012

Oficiais de Justiça do Tocantins decidem não entrar em greve

Em assembleia realizada nesta segunda-feira, 17, os oficiais de Justiça do Tocantins definiram que a categoria não vai entrar em greve. O Sindicato marcou uma audiência para esta terça, 18, com a presidente do TJ para discutir o pagamento da indeniza
 
Reunidos em assembleia geral na tarde desta segunda-feira, 17, os Oficiais de Justiça Avaliadores do Tocantins decidiram não entrar em greve.  A decisão foi tomada depois que a diretoria do sindicato que representa a categoria conseguiu uma audiência com a presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins, Desembargadora Jacqueline Adorno.

A reunião acontece nesta terça-feira,18, às 10 horas da manhã. De acordo com o presidente do Sindicato, Roberto Faustino, “a presidente do Tribunal assumiu o compromisso de colocar em votação a resolução da indenização de transporte dos oficiais de Justiça na sessão do pleno de quinta-feira”, informou Faustino.

Ainda de acordo com Roberto Faustino, a reivindicação da categoria é pelo reajuste no valor da tabela paga pelo Tribunal de Justiça. Hoje, segundo as informações, os oficiais recebem algo em torno de R$ 1 mil como indenização pela utilização dos seus veículos durante o cumprimento de mandados.

Eles pedem que esta tabela seja reajustada para R$ 1,2 mil por mês. “Caso não haja este reajuste os oficiais vão fazer o cumprimento de mandatos até que os R$ 1,2 mil sejam gastos”, argumentou o presidente do Sindicato.]

Fonte: TocNotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...