quarta-feira, 2 de março de 2016

Carioca é preso em Vila Velha ao se passar por oficial de justiça

Segundo a polícia o documento foi expedido depois da morte do desembargador apontado por Luciano.
Foto: Divulgação/PC

Na casa do suspeito, em Itapoã, foram encontradas munições, uma arma com numeração raspada e uma Certidão de Identificação do Poder Judiciário

Luciano de Menezes Pereira, de 42 anos, foi preso na manhã desta terça-feira (1), em Itapoã, Vila Velha. Segundo a polícia, ele se passava por oficial de justiça e até policial civil.

De acordo com o Superintendente de Polícia Técnico-científica, Danilo Bahiense, na casa do suspeito foi encontrada uma carteira de oficial de justiça, munições e uma arma com numeração raspada.

“Ele alegou que a carteira teria sido dada a ele por um desembargador, mas a expedição do documento aconteceu após a morte do magistrado. Além disso, ele andava armado pelas ruas”, informou o Superintendente.

Ainda segundo o delegado, Luciano é do Rio de Janeiro e teria requerido porte de arma na Polícia Federal. 

O suspeito foi autuado por falsidade ideológica, posse ilegal de arma, falsificação de documento público e uso de documentação falsa. Se condenado por todos esses crimes, as penas podem chegar a 20 anos de prisão.

InfoJus BRASIL

Fonte: Folha Vitória

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...