terça-feira, 6 de agosto de 2013

Até quando haverá falta de proteção e violência durante o cumprimento de mandados?

Oficial de Justiça é assaltado em Guarujá-SP

Crime ocorreu na Favela da Aldeia, no Distrito de Vicente de Carvalho, onde um suspeito foi preso e o outro conseguiu fugir.

Um Oficial de Justiça que cumpria mandado na cidade de Guarujá, litoral de São Paulo, foi vítima de dois assaltantes nesta segunda-feira (29). O crime ocorreu em uma favela no Distrito de Vicente de Carvalho e, segundo a polícia militar, um dos suspeitos foi detido e o outro conseguiu fugir.

O Oficial de Justiça de 51 anos saiu do Fórum de Guarujá para cumprir uma ordem judicial na Favela da Aldeia e segundo o relato que deu no 2° Distrito Policial de Vicente de Carvalho, foi abordado por dois homens ao descer do carro. Com receio de que algo pudesse acontecer, o servidor correu para uma casa próxima, mas foi alcançado pelos bandidos.

Uma equipe da Polícia Militar que realizava operação no bairro Prainha, que fica ao lado da favela, foi avisada sobre a ação e surpreendeu a dupla com a vítima na rua. Um dos assaltantes foi identificado e acusado de fazer parte de uma quadrilha acusada de cometer vários crimes na cidade e estava inclusive com o mandado de prisão já solicitado. O outro suspeito conseguiu fugir e ainda não foi encontrado.

Quantos Oficiais de Justiça precisarão sofrer com as agressões, assaltos e outras formas de violência enquanto realizam o seu trabalho? Quando o Tribunal de Justiça de São Paulo tomará alguma iniciativa perante esse descaso com seus funcionários? 
 
Fonte: Aojesp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...