quinta-feira, 26 de julho de 2012

Oficiais de Justiça temem atuar em determinados bairros em Andradina/SP

 
Os 10 oficiais de justiça de Andradina temem pelas suas vidas durante cumprimento de determinação judicial em alguns bairros da cidade. Um dos oficiais citou à reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL e SRC NOTÍCIAS que procuram realizar seus trabalhos na ‘luz do dia’, “depois que escurece ninguém se atreve a entrar em locais de alguns bairros da cidade”, disse uma oficial. Ela citou como exemplo de local perigoso: bairro Nova Canaã e Gasparelli, além de assentamentos. “Enquanto houver claridade realizamos nosso trabalho sem a presença de segurança, mas se anoitecer acionamos a PM para nossa segurança”, completou os profissionais.

A AJUDA

Para continuar as prisões de traficantes em Andradina, o comando do 28º BPM/I pede a população para que denuncie locais de pontos de vendas de drogas e supostos traficantes que agem em suas áreas. “Os nomes sempre serão mantidos em sigilo absoluto. Basta ligar e dar as denúncias através do número 181 (disque - denúncia) e também pelo 190. Se não recebemos denúncias, nosso serviço fica um pouco mais difícil. Com a parceria da população de bem, alcançaremos melhores resultados”, disse o Major Galindo à reportagem.

Os oficiais estão temendo ao ‘entrar’ em determinados bairros da cidade, pois a criminalidade os ameaçava em seus cumprimentos de mandados de reintegração de posse, principalmente. Fato recente teria ocorrido num conjunto habitacional construído no bairro Nova Canaã. Num cumprimento de reintegração de posse, o oficial foi ameaçado por invasores das casas, transformadas em ‘bocas de fumo’. O conjunto habitacional está em fase de conclusão e logo as casas serão entregues aos verdadeiros donos.

Ouvido, o major PM Galindo ainda disse: “Agradeço mais uma vez a oportunidade para que a PM, na figura do 28º BPM/I, se manifeste sim para que a população seja informada das reais situações na área de segurança pública e tenha a certeza a respeito do assunto em tela. Antes de qualquer coisa gostaria de concitar os Oficiais de Justiça para que em havendo problema no cumprimento de suas missões, solicitem o devido apoio da PM. A PM está para servir a sociedade, mantendo a ordem pública. Em princípio já posso informar que não constam em nossos registros estatísticos nenhum, repito, nenhum pedido ou comunicado oriundo da honrosa classe de oficiais de justiça de Andradina nos informando de tais problemas.

Quanto à escolta da PM para que os oficiais de justiça possam dar cumprimento a seus serviços, há que se considerar que até o momento, só efetuamos ‘escolta’ quando o assunto se refere a Cumprimento de Ação de Reintegração de posse. Esclareço que nesses últimos sete meses de 2012, no referido bairro só foram registradas três ocorrências de prisão em flagrante por tráfico de entorpecentes, e se juntarmos com o bairro Gasparelli, esse número só alcança 12 ocorrências. Sugiro que seja explorado via mídia a necessidade da população de bem efetuar denúncias através do número 181 (disque - denúncia) e também pelo 190”, finalizou o major.

Fonte: o Liberal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...