quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Humorista baiano aparece na lista do TJ-BA como oficial e descreve rotina

 
Mais conhecido como artista, Renato Piaba também é oficial de Justiça.
"Não existe show de humor de segunda a sexta-feira", relata ao G1.

O humorista baiano Renato Piaba, cujo nome próprio consta na lista salarial divulgada pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), excerce o cargo de oficial de Justiça avaliador desde 1983. "Trabalho todos os dias, não existe show de humor de segunda a sexta-feira. Vou trabalhar na rua, como todo oficial de Justiça", afirma nesta quarta-feira (1°) ao G1 o artista, que possui formação em Educação Física. Segundo conta, ele nunca foi notificado por falta ou suspensão no exercício da função.

Na lista, ele aparece como Roberto Renato Lacerda Miranda e, como servidor público, tem salário bruto de mais de R$ 7 mil. "Sábado e domingo eu sou Renato Piaba. Sou concursado, não entrei pela janela. E assim será até eu completar 35 anos [como servidor] e conseguir me aposentar", afirma. Renato Piaba foi nomeado no dia 3 de janeiro de 1983 após aprovação em concurso para o cargo. Desde então, afirma ter atuado na 12ª Vara Crime, na 5ª Vara de Família e a Titular e no 1º Juizado de Defesa do Consumidor.

A lista está disponível no site do TJ-BA e foi divulgada no dia 20 de julho, data-limite dada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Organizada em ordem alfabética, os dados se referem à folha de pagamento de junho de 2012.

Entre as remunerações divulgadas pelo TJ-BA, destacam-se os valores pagos para um motorista, R$ 14.685,34, enquanto que um juiz recebe R$ 14.717,85. A diferença entre os dois é de R$ 32,51.

A política de transparência atende à exigência da Lei de Acesso à Informação. Em vigor desde 16 de maio, a lei obriga orgãos públicos a divulgar informações consideradas públicas, exceto aquelas sigilosas ou que possam colocar em risco a segurança nacional.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente:

Postagens populares

Vídeos: FENOJUS

Loading...